Projecto para limpar praias de Maputo lançado na Costa do Sol

PRAIA ZERO, um projeto financiado pelo Porto de Maputo e Heineken, implementado pela Cooperativa Ntumbuluku (uma associação de educação ambiental), e apoiado pelo Município de Maputo, foi lançado no final de dezembro de 2018.

A praia de Maputo tem  graves problemas de lixo e as areias da praia estão cheias de cacos de vidro. A falta de civismo de seus cidadãos, a incapacidade de controlar e limpar, são as principais causas da situação terrível que a frente de praia enfrenta hoje.

A Praia Zero foi criada para solucionar este problema de forma permanente, que vai além das ações voluntárias de limpeza de praias. A fase 1 já foi implantada (a 22 de dezembro) e inclui a instalação de 6 conjuntos de ecopontos e o emprego de “educadoras”, mulheres treinadas para criar consciencialização sobre o problema. A segunda fase (a ser implantada em Março) incluirá a instalação de contentores para colecta, compra, segregação e revenda de plástico e vidro.

O Praia Zero simboliza não só a filosofia Zero Waste, mas também a intenção de começar do zero,  já que o projeto limpará as areias do plástico e do vidro e recomeçará, com uma praia limpa.

O projeto decidiu, desde o início, incluir os vendedores informais. A AFRAMA – Associação de Vendoras de Frango e Magumba – foi incluída no projeto e estará no centro da educação dos cidadãos. O projeto está também a tentar encontrar uma solução para melhorar as condições higiénicas nas quais o alimento é vendido.